Nesta quarta-feira (25), uma mulher foi presa, na cidade de São Luís, por ter encomendado a morte do ex-marido dividida em 20 parcelas de R$ 700, pagas via depósito bancário. Além disso, como entrada a mulher chegou a pagar uma quantia de R$ 1.500.

Após mais de um ano de investigações a Polícia Civil conseguiu elucidar o caso que aconteceu no dia 27 de março de 2020 e terminou na morte da vítima se chama Charles Cutrim.

No dia do crime, Charles foi morto a tiros na porta da própria casa em Paço do Lumiar. Segundo a Polícia Civil, a esposa confessou que mandou matar o ex-companheiro porque ele não aceitava o fim do relacionamento e a ameaçava de morte, caso se separassem.

Hoje (25), além da mulher também foi preso um dos criminosos envolvidos na morte de Charles, sendo que ambos foram presos na capital São Luís. Os dois foram encaminhados para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui