Nesta segunda-feira (30), o deputado estadual Wellington do Curso se reuniu com os professores da Rede Municipal de educação, que realizavam uma manifestação pacífica em frente a Prefeitura. O objetivo foi cobrar o reajuste de 33,24% para os professores do magistério de acordo com a Lei Nacional do Piso e, ainda, o rateio das sobras dos recursos do FUNDEB para os profissionais da educação básica.

Na oportunidade, Wellington foi à sede da Prefeitura com o intuito de protocolar ofícios para solicitar a cópia da folha de pagamento dos professores do ano de 2021 e o cumprimento da Lei do Piso com a concessão do reajuste de 33,24% aos professores da rede municipal, mas o local estava fechado sem nenhum motivo aparente.


“Hoje pela manhã, estive em reunião com os professores da Rede Municipal de Ensino de Bacabeira que realizaram uma manifestação pacífica para cobrar o rateio de 70% dos recursos do FUNDEB para os profissionais da educação básica e, ainda, a concessão de reajuste de 33,24% para os professores de acordo com a Lei Nacional do Piso. Fui até a sede da Prefeitura protocolar dois ofícios, mas isso não foi possível porque estavam trancados. Plena segunda-feira e a sede da Prefeitura de portas fechadas. Já registrei um boletim de ocorrência e levarei todos esses fatos ao conhecimento do Ministério Público. Prefeita de Bacabeira, cumpra a lei, pague o reajuste de 33,24% e o rateio do FUNDEB”, disse o deputado Wellington.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui