notícias

Vandalismo político prejudica comunidade escolar: Um reflexo da Política do Ódio que se instalou em Paço




Logo após a entrega de obras do Governo do Estado no último sábado, 13, o CEM Domingos Vieira Filho, no Maiobão, foi palco de um ato de vandalismo que trouxe à tona a crescente toxicidade na política de Paço do Lumiar. Enquanto a escola recém-reformada buscava proporcionar uma educação de qualidade, a situação política de Paço deixou de o que de fato a política representa, e abriu espaço para a barbárie, com atitudes que espelham diretamente o grupo político da prefeita Paula da Pindoba.

A tentativa desesperada de se perpetuar no poder levou a um ato insano de vandalismo, onde supostamente um aliado do governo Paula da Pindoba pichou o muro da escola na tentativa de prejudicar o pré-candidato Fred Campos. Essa atitude não apenas mancha a reputação dos envolvidos, mas também prejudica os estudantes que estavam celebrando a renovação de sua escola.

A investigação está em andamento pela Delegacia Civil do Maiobão, uma vez que o ato de depredação ocorreu em um prédio público. Antes desta cena lamentável, a poucos metros da escola, o governador foi também alvo de questionamentos abusivos e desnecessários em hora imprópria, praticados pela prefeita e aliados, vaias e gritos também ocorreram. Esses eventos lamentáveis são um reflexo da política do ódio, que coloca os interesses particulares acima do bem-estar da comunidade e do futuro das gerações jovens.

https://www.instagram.com/p/C5zWTdYLeph/?igsh=dGF4dThyN3JmbDBz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *